Nesta entrevista, concedida exclusivamente à Alternactiva e conduzida por Boaventura Monjane, o conceituado arquitecto moçambicano, José Forjaz, fala do estado da arquitectura em Moçambique, do papel e da (in)competências do Estado em fazer  desta disciplina (ensino e prática) um sector que responda às necessidade actuais do país. O arquitecto estende a análise e inclui o Estado da política Moçambicana, definindo a Educação como o sector prioritário para uma real transformação social.

Partilhar este artigo
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email